fran duarte

 

cartas e poesias de amor



Textos

SINTO FALTA DE TI
-sinto,sim,falta de ti,pois em seus braços me senti segura,me senti mas mulher ,foi com você que conheci o verdadeiro amor.- amor este que foi a os pouco se transformando em louca paixão,algo arrebatador,em seus braços me sentia arde como uma chama, sim, chama de amor.-foi com você que me estremeci toda quando estava com meu corpo colado ao seu. sim foi tu que me mostrou os lados bom e ruim da vida;foi com você que vivi os melhores,momentos pois tinha forças para lutar por um ideal.     -Ideal este que nos buscávamos ate o dia que estivemos juntos,mas agora já não é mais possível continuar  ,porque talvez você busca um ideal diferente do meu,isso tudo porque nos não estamos mas juntos e , é isso que me machuca é isso que me faz perceber o quanto preciso de ti você que foi a minha luz e fez com que eu acreditasse na minha capacidade de amar,alguém intensamente e era você que me devolvia esse amor com a mesma intensidade ,sabe você soube me dar tudo o que eu queria, amor,carinho,esperança ,fé isso tudo eu tinha com você. -mas infelizmente eu não soube cultivar no meu jardim da vida, jardim este ,que você teve o cuidado de preparar para ser semeado e dar bons frutos,mas isso não aconteceu; tudo porque eu esqueci o quanto você me ajudou,que foi amigo, companheiro e amante,que deixou de viver você para viver pra mim.- mas eu nem de perto conseguia imaginar  que você iria acorda e perguntar o que foi que eu te dei,e a resposta ficou no ar,porque todo esse tempo eu não lhe dei nada mas do que um misero amor.- amor este que não supriu todas as suas necessidades .-mas aconteceu e você acordou e só agora que já não tenho mas você é que percebi mas uma vez que sinto falta de ti,sim sinto tanta falta.  
fran duarte
Enviado por fran duarte em 12/01/2015
Alterado em 15/02/2019
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras