fran duarte

 

cartas e poesias de amor



Textos


CARTA DE AMOR 9

CARTAS DE AMOR 9
JÁ SE PASSARAM MUITO TEMPO DESDE QUE TE ESCREVI AQUELA CARTA E NELA DEIXEI CLARO QUE NÃO MAS SUPORTARIA A TUA INDIFERENÇA E QUE AS VEZES VOCÊ DEIXA TRANSPARECER QUE NÃO ESTA MAS INTERESSADO EM MANTER ESSA UNIÃO .SÓ QUE NÃO FALA CLARO E EM ALTO E BOM SOM PARA TODOS OUVIR E PRINCIPALMENTE PARA MIM,QUE ESTOU ENVOLVIDA NESSA SITUAÇÃO E PRECISO URGENTE DECIDIR O QUE FAZER COM TUAS ROUPAS AINDA ESQUECIDA NO CANTO DO ARMÁRIO ,A ESCOVA DE DENTE SOBRE A PIA DO BANHEIRO E TODO RESTO QUE AINDA TEIMA EM DESFILAR NA MINHA MENTE PRINCIPALMENTE NA HORA DE ME DEITAR ,DA QUELE MOMENTOS DE LOUCURAS ENTRE UM ABRAÇO E UM BEIJO ENTRE O VAI VEM DOS VULTOS DESFILANDO EM MEUS SONHOS ACORDADA EM MEIO AS MADRUGADAS E SÓ O BARULHO DOS CARROS CORTA O SILÊNCIO DAS NOITES MAL DORMIDAS E A ESPERANÇA DE QUE VOCÊ UM DIA VAI VOLTAR E AGORA PARA FICARMOS JUNTOS E ADMIRAR AINDA POR MUITO TEMPO O NOSSO CONCERTO COM O ARCO IRES PROVANDO ASSIM QUE COM AMOR TUDO PODE ACONTECER .
fran duarte
Enviado por fran duarte em 22/11/2018


Comentários


 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras